HOME                    À CONVERSA COM                  O LIVRO                  AO QUILÓMETRO TAL                 ARQUIVO                 

Cartas de Amor #3 - Querida Susaninha




"Ericeira, janeiro de 2014

Querida Susaninha do meu coração,


Há tantas palavras que merecias ler, mas às vezes esqueço-me de te dizer o que sinto.
Acima de tudo quero que saibas que te amo! Amo-te de paixão com um amor cheio de orgulho. Adoro o facto de não desistires quando a vida parece que desiste de ti; de não te sentires só, mesmo estando sozinha; de teres feito tanto pelo amor que nada fez por ti...
Gosto do teu olhar... um olhar doce, felino, outrora inocente, por vezes feliz, mas agora apenas carente. Adoro dos teus caracóis malucos :) sem eles não és tu!
Embora o que sinta por ti seja imenso, tenho saudades da mulher que já foste. Tenho saudades da Susana romântica que conseguia colocar no papel palavras que tocavam no coração, da Susana que criava poemas com os quais se emocionava, da Susana que acreditava num amor sincero, num amor...
Espero que essa Susana volte um dia, mas mesmo que ela não brilhe novamente, quero que saibas que és única e especial e que não há amor melhor do que aquele que sentimos por nós mesmos.


Um abraço apertado, coração quentinho!
Susana."

5 comentários:

  1. Eu acredito que a Susana vai voltar a brilhar <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ela é um ser muito brilhante, apesar de ás vezes nem ela ver, mas nunca deixou de o ser ^_^

      Eliminar
  2. Quando juntas as letras e formas palavras, elas ganham vida... e emocionam-se... ao ponto de nos envolverem e nos puxarem para o seu seio... não sei como o fazes mas consegues sempre... Obrigado! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada eu por leres Pedro e pelo elogio, esta carta foi escrita pela Susana - ela vai apreciar com certeza :)

      Eliminar