HOME                    À CONVERSA COM                  O LIVRO                  AO QUILÓMETRO TAL                 ARQUIVO                 

. o lado F*.



Há pessoas que não têm articulação suficiente para estruturar uma opinião  e mesmo assim insistem em falar sobre o assunto. A necessidade de atenção é tanta que mesmo não tendo como argumentar, abrem a boca para contra-argumentar com algo que nada tem a ver com o assunto. Just because! lol
Há outras que têm a necessidade de andar aos pulinhos a dizer: eu faço! eu faço! eu sei! eu sei!
Mesmo que haja já quem esteja a fazer, são do tipo arrancar as barbies das mãos da dona só porque também as sabem vestir e finalmente poderem dizer: está bonita não está? Fui EU que a vesti! (a apontarem com o dedo para o seu próprio peito)
e depois há aquelas que se queixam :

Estimados administradores do Facebook:
Sinto que cada vez mais o Farmville faz parte da minha vida.
Apesar de já ter bloqueado o referido aplicativo passo a vida a ouvir vacas a mujir, porcos a grunhir, cavalos a relinchar e burros a dar para espertos.
Devo confessar que a vida no campo nunca me atraiu muito. O tirar leite a cabras, apanhar tomates, cheirar o cu a galinhas para descobrir o ovo de ouro, nunca foi o meu objectivo de vida Chamem-me antiquada, mas estes novos jogos tendenciosos são de facto um aborrecimento para a minha pessoa, sem querer ferir susceptibilidades, clarooo!
Somos todos amigos, mas...será que há hipotese de denunciar este jogo como spam de maneira a não ter de lidar mais com estes animais?
Muito obrigada
Ana Morais



* fun fun fun
título sugerido mais uma vez pela inspirada Ana Garcia

Sem comentários:

Enviar um comentário