HOME                    À CONVERSA COM                  O LIVRO                  AO QUILÓMETRO TAL                 ARQUIVO                 

.porque és simplesmente tu,

há ligações que não se explicam. a que tenho contigo é transcendental à compreensão de um comum mortal. é preciso ser-se um anjo caído como tu para se aperceber. só preciso de te prevenir do meu desassossego. os meus medos perseguem-me não me permitem âncoras. sou navio fantasma de velas içadas a toda a hora. e com vento do norte a sussurar-me mudança ao ouvido há perigo de desassossego. mas também meu anjo quero que saibas que sou fiel ao meu coração e esteja eu onde estiver eu não me esqueço.parece. vai parecer muitas vezes, vou-te entristecer porque não telefono, vou-te entristecer porque não estou por perto,  mas lembra-te que nunca quis isso e levanta a cabeça porque eu posso não ligar e estar distante físicamente, mas no meu coração querida...no meu coração ninguém nem nada apaga o que é cravado a ferro e fogo. és uma das minhas estrelas polares. obrigada por existires.